Um hospital de campanha. Cinco dias de atividades. Cerca de oito horas e meia de aulas. 70 colaboradores da área de assistência beneficiados com cinco temas sobre a COVID-19, apresentados por sete colegas. Estes são os números da Semana de Qualificação que o Hospital Espanhol promoveu de 10 a 14 deste mês de agosto, realizada nas suas dependências.

O evento foi organizado pelo Líder de Enfermagem da UTI 2, Uener Silva e pelo Coordenador Médico das UTIs, André Estrela. Uener explica que “a Semana de Qualificação teve o objetivo cumprido de implementar um processo educativo e participativo com a equipe multidisciplinar do Hospital Espanhol, abordando pontos que são essenciais para garantia de uma assistência efetiva aos pacientes com a COVID-19”. Estes são pacientes de alta complexidade, precisando da assistência de profissionais altamente qualificados do ponto de vista técnico e científico para uma doença nova na história da medicina e nos seus protocolos, muitos ainda em fase de observações e análises.

Dentre os palestrantes, fisioterapeuta, enfermeiros, nutricionista, farmacêutica e médicos, abordando temas como: extubação, extubação acidental, isolamento bacteriano multirresistente, assistência nutricional e outros, todos voltados para o contexto da COVID-19. “Esta foi a primeira Semana de Qualificação que realizamos. E pelo resultado positivo, teremos outras com periodicidade regular. Conseguimos interligar as equipes de profissionais da linha de frente com um método bem participativo, possibilitando narrativas de casos enfrentados e trocas de experiências”, comentou o médico André Estrela, um dos organizadores do evento.

Se reciclar conhecimento é sempre preciso, em tempos de COVID-19, trocar informações é mais do que devido. É uma fase de aprendizado constante, de descobertas a cada dia, em cada caso, em cada paciente. Este espírito de troca profissional, com integração e interação, é o espírito INTS de ser e agir, para oferecer excelência na assistência.