Vocês já ouviram falar em GLPI? A sigla é referente a uma ferramenta que tem o poder de gerenciar e automatizar fluxos de processos de TI, bem como se adequar a processos relacionados a outros setores dentro da organização. No Instituto Nacional de Tecnologia e Saúde – INTS não é diferente. O time de Tecnologia e Informação (TI) do INTS escolheu esta ferramenta com o objetivo de diminuir tempo de respostas das solicitações, tomar decisões estratégias diante dos dados fornecidos, além do próprio painel de indicadores que facilita a rotina de trabalho.

De acordo com o coordenador de infraestrutura de TI, Bruno Carvalho, “a ferramenta é de fundamental importância para os processos do Instituto, já que ela apresenta métricas importantes, a exemplo de banco de soluções, respostas de chamados, fluxo de aprovações e produção de relatórios em um único ambiente”, afirma. “Alguns setores da sede do INTS já estão se adequando a esta nova ferramenta, a exemplo de Contratos, Infraestrutura Civil e Comunicação. O próximo passo é que todos os contratos do INTS utilizem o sistema, sendo possível interagir, também com a Sede”, complementa o Coordenador de TI do INTS, Thiago Galderice.

Em 2021, o setor da TI da sede já recebeu 655 chamados, com 99% no índice de satisfação.

Veja a interface do GLPI