Com alegria e descontração, o grupo @palhacia percorreu as enfermarias da unidade de saúde e alertou sobre a importância de ser doador

Brincadeira, palhaçada e muita alegria. Foi dessa forma que o Hospital de Urgências de Goiânia Dr. Valdemiro Cruz (Hugo) deu continuidade as ações do Junho Vermelho nesse sábado, 12. Com a presença de voluntários do grupo @palhacia a unidade de saúde se tornou um ambiente mais leve.

Com alegria e descontração, os voluntários percorreram as enfermarias da unidade de saúde, alertaram sobre a importância de ser doador de sangue e distribuíram material educativo. De acordo com a psicóloga Giselle Barcelos, a ação foi realizada pela equipe multiprofissional do Hugo. “Hoje realizamos mais uma atividade de incentivo à captação de doadores, sensibilizamos a equipe clínica do hospital, familiares e pacientes internados para a doação de sangue. É fundamental fomentar a promoção e incentivo à doação de sangue, o ato de doar é um ato de entrega e amor ao próximo”, explica.

A atividade foi realizada de maneira lúdica para chamar atenção das pessoas sobre a importância do ato de solidariedade. Um gesto simples e altruísta pode salvar vidas. A doação de sangue é uma importante ferramenta de auxílio para as unidades de saúde que prestam serviço à população. Uma única doação pode ajudar até quatro pessoas.

Quem pode doar?

Para doar sangue, o voluntário deve estar em boas condições de saúde, pesar acima de 50 quilos e ter idade entre 16 e 69 anos (menores de 18 anos devem estar acompanhados por um responsável legal). É necessário estar descansado e bem alimentado, e portar um documento oficial com foto (RG, carteira de trabalho, carteira de motorista ou de reservista) em bom estado de conservação.