O nascimento é, sem dúvidas, um momento especial para as famílias, não só pela chegada de um novo membro e pelo seu acolhimento, mas também a partir do registro civil,  quando o bebê é reconhecido como cidadão pertencente à uma sociedade civil de direitos. Após a identificação de algumas dificuldades por parte das famílias para realizar esse registro, seja por falta de documento ou por questões financeiras,  a diretoria administrativa do Hospital de Bertioga (SP), juntamente com o Serviço Social, convidou o Cartório de Registro Civil das Pessoas Naturais do Município de Bertioga para um trabalho em conjunto, pensando em promover a garantia de que os recém-nascidos deixem a unidade de saúde já registrados civilmente e, consequentemente  facilitando às famílias quanto ao deslocamento de suas residências pós alta hospitalar, preservando, assim, o bem estar.

A ação, que teve início no dia 12 de fevereiro, faz parte da Rede de Humanização do Hospital.

Os dias de registro serão às segundas, quartas e sextas-feiras, a partir das 14h, na maternidade do Hospital. Para o registro, os pais deverão apresentar os documentos originais com fotos.