A Educação Continuada para os seus profissionais é uma prática frequente no Hospital Espanhol. Mesmo sendo um Centro de Tratamento para Covid-19, com uma rotina intensa e estressante de assistência, o cronograma de treinamentos é constante.

No início deste ano, o HE implantou o Núcleo de Educação Permanente, coordenado pela enfermeira Sanjaya Mayan. E desde então, a reciclagem e atualização nas áreas são focos do Núcleo que organiza e oferece aulas, palestras, encontros e treinamentos. Estas ações são extensivas não somente aos colaboradores da assistência, mas também aos que atuam na parte administrativa.

Um grupo fixo formado por cerca de 30 líderes das diferentes áreas da Unidade Hospitalar se reúne, quinzenalmente, para orientações do ‘lidar com o liderar’, trocas entre as áreas e discussões de situações de rotina.

Fabiana Daltro, Gerente Administrativa do HE, é quem está conduzindo os “Encontros de Líderes do Hospital Espanhol”. Ela tem Mestrado em Medicina e Saúde Pública, pela Escola Bahiana de Medicina e Saúde Pública, e Especialização em Gestão do Trabalho e Educação em Saúde, pela Escola Estadual de Saúde Pública. E comentou sobre o processo: “Sinto-me privilegiada e grata. O conhecimento, muitas vezes, ocupa um espaço inatingível e nos leva a oportunidades de aprimoramento, crescimento e senso de pertencimento extremamente oportunos para nos tornar pessoas, líderes e gestores melhores.”

Esta interação de profissionais com diferentes formações no mercado, possibilita o enriquecimento pessoal de cada participante e o seu conhecimento holístico da organização como um todo.

Evilásio de Jesus é Coordenador de Segurança e Transporte do HE e participa dos Encontros. Para ele, um dos pontos importantes, destes momentos entre os colegas, é ter conhecimento do que se passa nos setores, tanto de positivo, como de negativo. “O Hospital é como um corpo e seus setores são os seus membros. Cada membro precisa do outro para fazer o corpo funcionar bem. Este é o nosso papel. E aqui, a gente tem aperfeiçoado o funcionamento do corpo que está sob os nossos cuidados” – filosofou Seu Evilásio, numa excelente associação funcional.