Colaboradores de diferentes áreas de atuação da unidade de saúde foram lembrados em evento do INTS

Os desafios diários, empenho e dedicação foram motivos determinantes para que o Instituto Nacional de Tecnologia (INTS) reconheça o trabalho dos colaboradores do Hospital Estadual de Itumbiara São Marcos, verdadeiros heróis, que estão há mais de um ano no combate à pandemia.

O evento, batizado de “INTS Reconhece”, foi realizado na tarde desta terça-feira, 24, no auditório da Universidade ILES/ULBRA Itumbiara. 50 profissionais de diversas áreas de atuação foram lembrados com entrega de troféus, cumprimentos e agradecimentos.

Para o diretor administrativo do HCamp de Itumbiara, Tércio Michel, “o reconhecimento do profissional é a consequência de um trabalho bem executado, seguindo a finalidade, a política, os valores, missão e as diretrizes do INTS. A todos os que foram reconhecidos e aos demais colaboradores que tornam nossa Gestão um case de sucesso, nossa admiração e respeito”, disse.

Segundo a enfermeira Valéria Ferreira de Almeida Lourenço, receber a notícia de ser homenageada foi um misto alegria e surpresa. “Fiquei muito emocionada quando recebi o convite para o evento. Tenho muito a agradecer ao INTS por ter assumido o hospital e por fazer parte deste projeto desde o início.  Ser homenageada, representar meus colegas, é uma satisfação muito grande.  Estar entre os melhores significa que fiz meu trabalho de forma correta, com profissionalismo e amor. Saber que isso foi reconhecido não tem preço. Agradeço e estou muito feliz, espero fazer parte dessa equipe por muitos anos”, relatou a profissional.

De acordo com o diretor-geral do Hospital Estadual de Itumbiara, Ricardo Bricidio de Souza, a homenagem teve o objetivo de dar mais visibilidade a todos os profissionais da unidade que trabalham diariamente para salvar vidas e amenizar a dor de pacientes com a Covid-19 e seus familiares. “É uma saudação simples e de gratidão aos nossos colaboradores que estão aqui para prestar o melhor atendimento e fazer do Hospital de Itumbiara, cada vez mais, uma referência em saúde pública humanizada”, concluiu.