Paciente internado há 48 dias no Hugo deixou o leito de enfermaria e pôde aproveitar um momento ao ar livre

Internado há 48 dias, o paciente Carlos Gabriel Alencar, de 20 anos, teve uma manhã diferente no Hospital Estadual de Urgências de Goiânia Dr. Valdemiro Cruz (Hugo). Ele deixou o leito de enfermaria, no 2º andar, por cerca de 20 minutos, sentiu a luz do sol e teve contato com a parte externa da unidade de saúde. A equipe multiprofissional levou o paciente, que está acompanhado da mãe, para aproveitar um momento ao ar livre.

A iniciativa foi dos profissionais do Hugo que preconizam o atendimento humanizado. O intuito é contribuir com a recuperação dos pacientes, minimizando o sofrimento provocado pela hospitalização, por meio do contato com um ambiente natural, com luz solar, e ventilação. ’Os pacientes em tratamento ficam muito tempo em ambientes fechados, sem contato com o mundo exterior, ações como essa proporcionam momentos de relaxamento, contribuem com o bem-estar físico e mental, além de auxiliar no processo de recuperação”, explica a psicóloga Mônica Benevides.

Morador de Luziânia, Carlos Gabriel deu entrada na unidade no dia 17 agosto, após sofrer um acidente de trânsito. Ele passou por cirurgia na perna e ficou 28 dias internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI). A mãe do paciente, Tatiane Alves Alencar, que acompanha o filho durante o tratamento aprovou a iniciativa do Hugo. “Tinha quase dois meses que meu filho não via o dia. Ele gostou muito de descer e ter contato com a parte externa do hospital. Se possível, gostaríamos que acontecesse outras vezes, pois fez muito bem para o Carlos Gabriel”, afirma Tatiane.

O Hugo prioriza a qualidade do atendimento ao paciente e entende que o banho de sol e o contato com o meio ambiente reflete na recuperação. Trata-se de um cuidado diferenciado e que, com toda certeza, tem impacto positivo no bem-estar do nosso paciente”, conclui Mônica.