As equipe do Programa de Acompanhante de Idoso (PAI) das UBSs Parque Dorotéia e Jardim Miriam II realizaram em 15 de junho ações para a conscientização da necessidade do combate aos atos de violência contra idosos. A data marca o Dia Mundial de Conscientização da Violência contra a Pessoa Idosa.

No PAI Dorotéia, as equipes da unidade foram às ruas com cartazes e panfletos de orientação à população sobre como evitar casos de violência ao idoso e denunciar situações em que existam maus tratos e outros tipos de hostilidades. Durante a ação, os colaboradores abordaram pedestres e motoristas nas ruas e semáforos da região e distribuíram os panfletos instrutivos.

Para a Agente Comunitária de Saúde (ACS) Acácia Alves, dar visibilidade a essa data é importante porque ainda existem muitas pessoas que tratam os mais velhos com maus tratos. “Combater isso é muito importante. Eles foram, no passado, as pessoas que zelaram, cuidaram, que olharam pela gente, então o mínimo que podemos fazer por eles é olhar, zelar, cuidar e dar alguma autonomia a eles enquanto é possível”, afirma a ACS.

 

PAI Jd Miriam II – Também em celebração ao Dia Mundial de Conscientização da Violência contra a Pessoa Idosa, na UBS Jd Miriam II foi realizada ação de abordagem nas salas de espera e na porta da unidade com entrega de material informativo, além da utilização de uma faixa sobre o tema.

Ainda foi entregue a todos os idosos que participam do programa um imã de geladeira com as informações sobre a importância  da denúncia para qualquer caso de violência e negligência contra o idoso e com telefone do disque denúncia. Durante a entrega, a equipe fez orientações sobre os principais tipos de violência e alertou sobre a importância da denúncia.