No Hospital Espanhol, o Dia do Amigo durou uma semana

22 de abril de 2024

Confira também as nossas redes sociais:

Dia 20 de julho é o Dia do Amigo. Nesta data, o almoço no refeitório do Hospital Espanhol teve uma ação diferente da rotina. Uma caixa do Correio da Amizade ficou disponível para serem colocadas cartinhas para o colega de trabalho. Na mesa onde estava, papéis e canetas para facilitar e motivar os remetentes amigos. Valia ser anônima ou não. E as cartinhas seriam entregues pelo colaborador-carteiro, nos setores, ao longo da semana.

Todo dia é dia do amigo? É. Todo dia é dia de celebrar e nutrir as amizades, agradecendo por elas. E as amizades construídas nos ambientes corporativos, onde a convivência é frequente, quase diária e, muitas vezes, intensa, precisam ser bem cuidadas.

A iniciativa da ação foi do Serviço Social do HE com o intuito de amenizar o estresse emocional pela rotina de trabalho dos profissionais de saúde, motivando-os com leveza e carinho, e estimulando a interação. Estamos enfrentando mais uma onda da Covid com aumento de leitos e altas taxas de ocupação. O ritmo de trabalho costuma ser tenso e intenso.

“A ideia foi embasada no fortalecimento de vínculos e no lado emocional dos colaboradores. É gratificante quando recebemos uma mensagem dos nossos colegas e amigos de trabalho. Não sabemos como é o dia de cada um e por qual situação está passando. Então uma mensagem faz a diferença na vida de uma pessoa” – explica Quenya Fernanda Teixeira Barreto, Assistente Social do HE que trabalha no setor que criou a ação.

A Semana do Amigo

O início do funcionamento da caixa do Correio da Amizade foi no refeitório, no horário do almoço do dia 20. Depois disso, ela visitou os setores e permaneceu na Sala do Serviço Social, até o dia 22 de julho. Este prazo foi dado para que um maior número de colaboradores pudesse enviar suas cartas. Já que a maioria trabalha em regime de escala de plantão e parte do quadro não estava presente na Unidade, no dia 20.

Depois deste prazo, as cartas começaram a ser entregues aos colaboradores destinatários, pelas colaboradoras-carteiras – função assumida em rodízio pelas Assistentes Sociais, acompanhadas do musicoterapeuta, Marcos Barbosa. Afinal, as ações de humanização no HE são sempre regadas à música.

Nos dias de entrega das cartas foram vivenciadas as emoções das mensagens surpresas chegando aos seus destinos. Assinadas ou anônimas! Mas quase todas estavam assinadas. Teve gente que enviou e não recebeu. É chato, mas acontece… Teve gente que não enviou e recebeu muitas. Cerca de 50 colaboradores foram surpreendidos com as mensagens recebidas. Foi o caso desta Assessora de Imprensa aqui que vos escreve e que muito se comoveu com as cartinhas que recebeu.

Marcos Barbosa, musicoterapeuta, foi o parceiro da colaboradora-carteira nas entregas realizadas, sempre ao som da sua voz & do seu inseparável violão. E ele foi um dos colaboradores com o maior número de cartas recebidas. “Um pequeno gesto de carinho transforma o nosso dia e pode nos transformar todos os dias! Agradeço a todos vocês. Amo demais esta equipe do HE” – expressou Marcos.

Assim é o clima do Hospital Espanhol. Que assim seja, enquanto houver pandemia.

Hospital Guarapiranga apresenta quatro trabalhos no COSEMS 2024

Hospital Guarapiranga apresenta quatro trabalhos no COSEMS 2024

Unidade municipal de saúde conta com quatro projetos na 20ª Mostra de Experiências Exitosas dos Municípios O Hospital Municipal Guarapiranga, unidade da Secretaria Municipal de Saúde, gerenciada pelo Instituto Nacional de Tecnologia e Saúde (INTS), apresenta, entre os...

ler mais