Na última quinta-feira (25), o primeiro módulo do Programa de Desenvolvimento de Líderes (PDL) do INTS teve início com palestra de Zeni Silva sobre comunicação assertiva e feedback. Este ano, pela primeira vez, líderes de todas as unidades sob contrato de gestão do Instituto participaram do treinamento.

Zeni Silva, palestrante do módulo 1 do PDL.

O PDL é dividido em quatro módulos: comunicação assertiva e feedback, visão sistêmica, gestão de tempo e produtividade e liderança inspiradora. A participação dos contratos nesse treinamento só foi possibilitada pelo seu novo formato, que agora acontece de forma híbrida, com o apoio dos setores de T.I. e Comunicação. O encontro aconteceu presencialmente em Salvador, para líderes da sede, e foi transmitido ao vivo para as unidades em todo o Brasil, que participaram enviando dúvidas e sugestões.

Segundo Zeni Silva, primeira palestrante do PDL, a proposta desse formato é trazer aos líderes, mesmo que à distância, uma experiência para gerar interação e sinergia, envolvendo as pessoas nesse processo de se tornar uma liderança. “Foi um evento inovador, é a primeira vez que esse modelo de treinamento acontece no Instituto e o mais bacana é que estejamos dispostos a fazer acontecer”, afirmou.

Novas experiências

Quando um ambiente de trabalho conta com bons líderes, os fluxos e a satisfação dos liderados melhoram consideravelmente. Leonardo Marques, supervisor de comunicação da sede, conta que a experiência do treinamento foi muito positiva, principalmente porque iniciou recentemente no Instituto. Para ele, essa é uma forma de alinhar suas expectativas aos propósitos da instituição. “Ter essa iniciação com os líderes da sede é uma ótima oportunidade para começar a estreitar os relacionamentos para construção de projetos futuros”, afirmou.

Recém chegado no INTS, supervisor de comunicação Leonardo Marques participou do treinamento para líderes.

O supervisor falou ainda sobre sua participação no processo de produção do PDL em parceria com outros setores do INTS. “Tivemos que montar todo esse cenário em uma parceria da Comunicação com a TI. Então, foram dias de teste para viabilizar tudo da melhor forma. É gratificante ver o resultado, ver tudo isso acontecendo”, finalizou.

Bárbara Silva, coordenadora do IRSI, participou mais uma vez do PDL e contou sobre o que achou da experiência do treinamento nesse novo formato: “Acho extremamente importante porque traz uma interação, engajamento, e o envolvimento das lideranças para que elas possam estar desenvolvendo competências para levar para os seus liderados. (…) E nesse novo formato eu acho que trouxe uma maior visibilidade para o próprio Instituto, porque tinha a questão de dizer que os outros contratos acabavam não sendo envolvidos, principalmente no desenvolvimento das lideranças, e esse formato, acho que até por conta da pandemia, esse formato on-line também fez com que fosse algo mais comum entre as pessoas”.

Coordenadora do IRSI, Bárbara Silva destacou a importância do evento.

Nos contratos, o treinamento também gerou comentários positivos. A supervisora administrativa do Hospital Espanhol, Djane Ribeiro, manifestou o seu interesse de que mais treinamentos como esse sejam realizados. “O PDL foi um treinamento maravilhoso! Bastante construtivo. Um tema leve, abordando a importância da comunicação assertiva e do feedback que fazem parte do nosso dia a dia, do dia a dia do gestor. As dúvidas foram sanadas no momento do treinamento”, comenta.

Sobre o evento, Zeni Silva ressaltou ainda que o PDL acontece pela primeira vez nos contratos pelo propósito do INTS em acreditar no desenvolvimento das pessoas. “Esse modelo veio pra ficar, ainda que aprimorando o processo. (…). Eu acredito muito no desenvolvimento dos colaboradores, e se a gente quer fazer a diferença nas organizações a gente precisa capacitar cada vez mais os líderes, porque eles são os guardiões dos nossos pilares e dos nossos valores. Então, quando a gente capacita os nossos líderes, os conectamos com os nossos propósitos e fazemos com que eles repliquem isso para os mais de 10 mil colaboradores que temos no INTS. Esse tipo de treinamento é de suma importância para que a organização permaneça viva. Eu tenho falado muito sobre cultura, sobre desenvolvimento e se a gente não executa isso a gente falha, porque é através do desenvolvimento de pessoas que os negócios e organizações evoluem”, destacou Zeni.

Confira a galeria de fotos do evento:


Programa de Desenvolvimento de Líderes | INTS 2022