Para celebrar a data em que se homenageia os pais, o INTS mobilizou seus colaboradores na sede e nas unidades por várias partes do Brasil em ações marcadas pela emoção. Em Salvador, funcionários da sede administrativa foram surpreendidos com mensagens em vídeo deixadas pelas suas famílias como forma de homenageá-los pela dedicação com a paternidade. 

Em São Paulo, no Hospital Municipal de Bertioga, foi realizado um evento de entrega de presentes para os colaboradores que são pais. Foram entregues canetas personalizadas de gravatas e uma mensagem de felicitações, desejando o melhor para os pais que se esforçam e se empenham na criação de seus filhos.

No Hospital Manoel Victorino (HMV) a data também não passou em branco. No dia 11 de agosto, a Comissão de Humanização da Assistência do HMV realizou um lanche em comemoração à data para os colaboradores no refeitório da unidade, com direito a bolo, pão delícia e coxinhas para celebrar a ocasião.

Vanderlan Almeida administrador hospitalar do HMV deixou em depoimento que achou “maravilhosa a iniciativa da equipe”. “É importante lembrar de nós, pais, que ficamos todos os dias longe dos filhos por conta do trabalho e ações como essas enchem nossos corações de alegria. Parabenizo a Comissão de Humanização e do HMV e que hajam outros eventos como este”, escreveu.

Homenagem em forma de música

Além dos colaboradores, no Hospital Espanhol, os pacientes internados que estão longe dos filhos também receberam homenagens pela data. Na tarde do dia 09 de agosto, o Coro da Polícia Militar se apresentou na área externa do Hospital para os profissionais de saúde da unidade. A apresentação dedicada aos pais, reuniu também quem é mãe e quem ainda não exerce a paternidade ou a maternidade, tornando o momento de descontração e integração.

“Em um cenário de COVID-19 e em um ambiente hospitalar especializado para a doença, qualquer tipo de reconhecimento ao colaborador é válido! Uma vez que fugimos um pouco da tensão do trabalho, uma tensão que nunca acaba nesta pandemia. E vamos para um momento de descontração, com risadas, abraços e sorrisos” – comentou Uener Silva, enfermeiro e Coordenador da UTI 2 do Hospital Espanhol, responsável pela ação.

Marcos Barbosa, musicoterapeuta do Hospital Espanhol, pai de um casal de filhos e com a caçulinha nascida durante a pandemia, pela primeira vez esteve como plateia, num evento musical do HE. “Como pai, me sinto muito abraçado por esta ação. Ser presenteado já é bom, ser presenteado com música é melhor ainda. Hoje, nós mudamos daquele lugar de atendimento às pessoas e passamos a ser atendidos” – refletiu o musicoterapeuta, responsável por resultados extremamente positivos da ação da música para pacientes e colaboradores do HE, nestes dois anos de funcionamento da unidade, como o maior Centro de Tratamento para Covid no estado da Bahia.