INTS promove ação para celebrar o Dia Mundial da Arte

INTS promove ação para celebrar o Dia Mundial da Arte

Promover um momento de relaxamento e estimular a expectativa de melhora e de alta. Foi com essa finalidade que o INTS entregou um kit com livro de colorir e lápis de cor aos pacientes internados com covid-19, nos estados de Goiás, São Paulo e Bahia. A ação, que foi realizada em todos as unidades geridas pelo Instituto, também celebrou o Dia Mundial da Arte. “Foi extremamente gratificante. Vimos a alegria dos pacientes, se sentindo importante e sendo lembrado com um outro olhar de cuidado e atenção. Recebemos muitos sorrisos e agradecimentos”, ressalta a enfermeira do Hospital Municipal Guarapiranga (HMG), em São Paulo, Viviane Araújo.  Quem participou da ação foi o paciente internado no HMG, J.V.L, de 76 anos. “Sempre gostei de Pintar, não imaginava que ia pintar hoje no Hospital”, celebrou.

No Hospital Municipal de Bertioga (HMB), no litoral de São Paulo, não foi diferente. A iniciativa envolveu pacientes e colaboradores da unidade, que festejaram a iniciativa. “O nosso objetivo é propiciar um momento diferente na vida daqueles que estão na luta contra o coronavírus. E o simples fato de colorir um livro pode contribuir para a alta hospitalar”, afirma a diretora do HMB, Ana Patrícia Palma.

Confira alguns registros da ação nas unidades geridas pelo INTS ao redor do país.

 

 

 

 

 

Entrega de ovos de chocolate marca páscoa no INTS

Entrega de ovos de chocolate marca páscoa no INTS

Diante do cenário de pandemia da Covid-19, que requer o trabalho intenso de milhares de profissionais de saúde contra a doença, o INTS realizou ações para celebrar a Páscoa 2021 com o objetivo de trazer um momento de mais doçura e ternura entre os colaboradores. Ao redor do país, equipes administrativas e assistenciais foram acolhidas com a entrega de chocolates. Além disso, o Instituto realizou a campanha Páscoa Misteriosa. A iniciativa reuniu seis perguntas que deveriam ser respondidas pelos colaboradores. Os primeiros a enviarem as respostas corretamente, ganharam um ovo de páscoa especial. Conheça alguns colaboradores que ganharam o brinde.

Na Sede – Gilberto Barros (analista de sistemas) e Ana Carolina Barros (analista jurídico)

UPA Feira de Santana – Yuri Albino (assistente de faturamento) Milena Soares (auxiliar administrativo), Daniela Carmo (assistente financeiro), Lucas Ferreira (Almoxarife), Valeria Costa (auxiliar de farmácia) e Thais Ferreira (Farmacêutica).

 

 

 

Vacinação OK no Hospital Espanhol

Vacinação OK no Hospital Espanhol

 Nos últimos dias 20 e 22 de janeiro, os colaboradores do Hospital Espanhol viveram o momento mais desejado por todo o mundo, nesta pandemia: o início da vacinação!

Do carregamento que chegou à Bahia, na noite do dia 18, com o primeiro lote contendo 376 mil doses do “antígeno do vírus inativado SARS-Cov-2 – CoronaVac”, preparadas pelo Instituto Butantan, cerca de 800 foram destinadas ao Hospital Espanhol. Com pouco mais de 1000 colaboradores no seu quadro, o Hospital está há nove meses funcionando como o maior Centro de Tratamento Covid-19, no Estado da Bahia.

A Equipe do Distrito Sanitário Barra-Rio Vermelho chegou cedo ao Hospital, na manhã do dia 20 e foi dada a largada à Campanha de Vacinação mais importante dos últimos tempos. Cícero Mendes, enfermeiro do Distrito passou o dia vacinando colegas. “É emocionante e gratificante poder injetar uma dose de medicamento e uma gota de esperança nas pessoas, durante esta pandemia tão dura de ser enfrentada” – disse ele.

E emoção foi o sentimento que mais se viu e se sentiu e a palavra que mais se ouviu, nos dois dias de vacinação no Hospital Espanhol. “É muita emoção ver a equipe que está unida nesta luta contra o Coronavírus, desde o início, começar a ser imunizada. É um sentimento que ultrapassa o individual. É uma felicidade coletiva!” – comentou a Diretora Geral do Hospital Espanhol, a médica Thayse Barreto, logo após ser vacinada.

Todos os colaboradores devem receber a 1ª dose da vacina. Se não no Hospital Espanhol, em alguma outra Unidade em que também atuam profissionalmente. No dia 17 de fevereiro, devem tomar a 2ª dose, completando assim o processo da vacinação.

O primeiro herói da saúde a ser vacinado no Hospital Espanhol, foi Reginaldo Araújo. Ele é Técnico de Enfermagem da UTI 2, tem 52 anos de idade e 21 anos de profissão. Está na equipe do HE, desde o mês de abril de 2020. Segurando a sua Caderneta de Vacinação e com os olhos marejados ele declarou: “Estou muito emocionado e ciente que Deus está no comando de tudo. Eu acredito que esta vacina vai ser eficaz para todos nós que estamos na linha de frente”.

A necessidade de conscientização de que a vacina chegou, mas a pandemia ainda não acabou foi alertada por Dra Amanda Viana, primeira médica do Hospital a ser vacinada. “Temos que comemorar esta vitória, mais do que qualquer Copa do Mundo. Comemorar a vitória da ciência e medicina brasileiras. Não tenham medo de se vacinar. Respeitem a fila, a ordem dos grupos prioritários. Mas é preciso aguardar 21 dias para a aplicação da 2a dose e depois, ainda um mês para a efetivação dos anticorpos. Portanto, é o momento para celebrar, mas não para relaxar quanto às medidas preventivas” – disse a médica.

 

Colaborador do INTS é um dos primeiros vacinados de Suzano

Colaborador do INTS é um dos primeiros vacinados de Suzano

Jean Góis, enfermeiro do Serviço de Atendimento Médico de Urgência (SAMU) Suzano, foi um dos dez primeiros vacinados do município, contra a Covid-19, na última quarta-feira (20/01). O profissional atua há 5 anos no SAMU e destacou o clima de esperança e segurança da vacina.

“Como profissional da saúde, a gente acaba conhecendo pessoas que faleceram com a doença e saber que existe uma vacina é uma esperança e segurança para nós e nossas famílias”, conta. Jean, que está na linha de frente de combate à doença, já contraiu a covid-19, afirma que ficou assustado com a doença, mas se recuperou e voltou ao posto de trabalho. “Desde o início da pandemia, estive na linha de frente, fiquei com medo, mas voltei a minha função e não tive maiores comorbidades”, lembrou. Ao todo são 85 profissionais de saúde que vão receber o imunizante.

Nas outras unidades do INTS ao redor do país, como o Hospital Espanhol (BA), UPA Brotas (BA), Hospital São Marcos Itumbiara (GO), Hospital Municipal de Bertioga (SP) e UPA Feira de Santana (BA) também já começaram a vacinação.

Confira as fotos da vacinação

Fotos: Irineu Fotos

INTS realiza 1ª edição do Projeto Bem-Estar de 2021

INTS realiza 1ª edição do Projeto Bem-Estar de 2021

Nesta segunda-feira (11/01) começa a primeira edição de 2021 do Projeto Saúde e Bem-Estar, organizado pelo Núcleo de Promoção à Saúde (NPS), do Instituto Nacional de Tecnologia e Saúde-INTS. O evento ocorre até amanhã (12/01), na sede do INTS, onde os colaboradores contarão com exame de bioimpedância, consulta com nutricionista e sessões de massoterapia gratuitas.

Segundo a coordenadora do NPS, Bárbara Silva, a atividade tem o objetivo de cuidar da saúde do colaborador, além de propiciar um momento de relaxamento dentro do ambiente de trabalho. “É importante em relação ao acompanhamento nutricional dos colaboradores, pois muitos não tem tempo para uma consulta e também disponibilizamos de um equipamento de última geração, como o de bioimpedância, que mede todos os índices corporais”, destaca.

Para Ângela Paixão, analista de Departamento Pessoal do INTS, a ação é extremamente motivadora e já teve resultados positivos na sua saúde. “Tive um desenvolvimento de 80% na minha saúde e são ações como essa que mostram que a empresa olha para a gente como não um mero profissional, mas como fator humano e isso é essencial”, ressalta Ângela. O projeto Saúde e Bem-Estar ocorre mensalmente na sede e, a cada dois meses, a atividade também é realizada na UPA Feira de Santana, no Hospital Espanhol e na UPA Brotas, local que receberá a atividade nos dias 18 e 19 de janeiro.

Confira as fotos

 

Paciente elogia atendimento recebido no Hospital de Itumbiara

Paciente elogia atendimento recebido no Hospital de Itumbiara

Em meio às diferentes adversidades enfrentadas diariamente por quem trabalha com saúde, principalmente nesta pandemia da Covid-19, há também na outra ponta o carinho e o reconhecimento dos pacientes curados. Nesta segunda-feira, 28, esse carinho chegou até a equipe do Hospital Regional de Itumbiara São Marcos na forma de mensagem para agradecer o tratamento recebido, carinho, dedicação e desempenho dos colaboradores da unidade.

As palavras de gratidão são de Lidiane Aparecida, de 28 anos, que ficou internada na unidade de saúde para tratamento da Covid-19. Na mensagem, a paciente destaca a educação, o profissionalismo, prontidão e eficácia da equipe do HCamp de Itumbiara.

“A equipe é extremamente gentil. O Atendimento é com muita alegria e empatia, eles se colocam no lugar do outro. Forma de atendimento diferenciado, atendimento por amor, foi o que essa equipe demonstrou. A maneira como vocês tratam a gente faz a recuperação ser mais fácil, o período de internação fica mais leve, fica menos doloroso”, relatou.

De acordo com a ouvidora do HCamp Itumbiara, Kelle Machado, a missão do hospital é oferecer um tratamento de excelência com acolhimento e cuidado humanizado, focado na satisfação do usuário. “Elogios, mensagens positivas, agradecimento profissional são de suma importância para o colaborador, além de se sentirem valorizados, aumenta a motivação e o desempenho. É uma grande satisfação ter o reconhecimento dos nossos pacientes pelo trabalho e amor envolvido de toda equipe do hospital”, ressalta.

Tratamento Humanizado

O reconhecimento e gratidão por todos os colaboradores do no Hospital Regional de Itumbiara São Marcos é resultado da humanização no atendimento ao paciente, que faz com que eles se sintam acolhidos, confortáveis e agradecidos.

As práticas buscam dar dignidade aos cuidados realizados aos pacientes. A missão do hospital é oferecer um atendimento de excelência com acolhimento e cuidado humanizado, focado na satisfação do usuário.

Referência no tratamento da Covid

O Hospital Regional de Itumbiara tem recebido pacientes de cidades diversas, atendendo as necessidades de vagas para tratamento de pacientes com diagnóstico confirmado de Covid-19. A unidade é peça fundamental na estratégia da Secretaria Estadual de Saúde para tratamento de pacientes infectados pelo novo coronavírus.